Mundial2018: Sérgio Ramos diz que Espanha "mantém objetivos" e quer ser campeã

| Mundial 2018

Legenda da Imagem
|

O ‘capitão’ da seleção da Espanha, Sérgio Ramos, desvalorizou quinta-feira os efeitos da troca de treinador a dois dias da estreia no Mundial2018, frente a Portugal, garantindo que a ‘roja’ mantém os objetivos e é candidata a ser campeã.

"Quanto mais cedo nos focarmos no futebol, melhor. Temos as mesmas ambições de há dois dias ", afiançou o defesa central, para os que duvidam do foco da seleção.

Ramos tentou ‘fintar’ as perguntas relacionadas com a saída do selecionador Julen Lopetegui, que foi despedido na quarta-feira, por ter assinado pelo Real Madrid, e substituído pelo diretor desportivo da federação, Fernando Hierro, mas acabou por dizer que “foi um momento muito sensível, muito delicado” e que provocou tristeza.

“Mas essas considerações pessoais ficam de lado e temos de nos focar no campeonato do Mundo. Os problemas também são oportunidades de crescimento e isso vai ajudar-nos a crescer e ficar mais unidos. É muito difícil chegar aqui. Dá muito trabalho. É aproveitar a oportunidade e desfrutar. Se fossemos para casa cedo era uma pena", advertiu.

A cada vez que se perguntava sobre Lopetegui insistia na sua confiança de que a Espanha continua um dos mais fortes candidatos ao título, que a ‘roja’ conquistou uma única vez, na África do Sul em 2010.

"Venho convencido para este campeonato do mundo de que temos uma equipa que está entre os favoritos, mas temos de ter cabeça fria e respeitar todos os adversários, porque qualquer detalhe pode tirar-nos da competição", avisou.

Garantiu que os 23 futebolistas estão "unidos" apesar de terem "opiniões diferenciadas" em relação à questão Lopetegui: recorda que "é no campo que os futebolistas falam".

"Não cabe aos jogadores falar disso. Não tomam esse tipo de decisão. Os outros sim. Os atletas concentram-se no desporto. Onde podemos fazer algo é no campo, sentimo-nos à vontade, é aí que falamos. Agora é olhar para a frente e deixar as opiniões pessoais de lado", concluiu.

A Espanha e Portugal defrontam-se sexta-feira em Sochi, às 21:00 (19:00 em Lisboa), em jogo da primeira jornada no grupo B, que compreende ainda um encontro entre Marrocos e o Irão de Carlos Queiroz, em São Petersburgo.

Em Destaque

Pub