Félix da Costa abandona Grande Prémio de França de Fórmula E após acidente

| Outras Modalidades

|

O português António Félix da Costa (Amlin Andretti) abandonou hoje o Grande Prémio de França, sexta prova do Mundial de Fórmula E, depois embater no brasileiro Lucas di Grassi (Audi), na 20.? das 49 voltas ao circuito.

Depois de ter sido nono no Grande Prémio do Mónaco, há uma semana, hoje, o piloto português acabou fora da corrida, ao embater em di Grassi, pilloto que ainda trocou de carro e prosseguiu a corrida, mas viria a abandonar após novo acidente.

O abandono do brasileiro beneficiou diretamente o suíço e antigo piloto de Fórmula 1 Sebastian Buemi (Renault), que venceu a corrida e viu ampliar a distância para Grassi, o seu mais direto perseguidor no topo da classificação do campeonato (tem agora uma vantagem de 43 pontos).

Em segundo lugar na prova de hoje ficou o estreante argentino José Maria 'Pechito' López (Virgin), que beneficiou do despiste do francês Jen-Eric Vergne, quinto lugar no campeonato.

O pódio do Grande Prémio de França ficou completo com o alemão Nick Heidfeld (Mahindra Racing).

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Um dos mais conceituados politólogos sul-coreanos revelou à RTP o modo de pensar e agir de Pyongyang.

    Portugal foi oficialmente um país neutro na 2ª guerra Mundial. Mas isso não impediu que quase mil portugueses tivessem sido deportados, feitos prisioneiros ou escravos pelos nazis.

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.