Portugal perde com a Bélgica e falha regresso ao segundo escalão europeu do râguebi

| Râguebi

|

Portugal falhou hoje o regresso ao segundo escalão da râguebi a nível europeu, ao perder com a sua congénere da Bélgica, por 29-18, em jogo realizado no Estário Rei Balduíno, em Bruxelas.

No 'play-off' que opôs o último classificado do Rugby Europe Championship, a Bélgica, ao primeiro do Rugby Europe Trophy, Portugal, a equipa da casa colocou-se em vantagem aos sete minutos, com ensaio e respetiva conversão.

A reação de Portugal chegou quase aos 20 minutos de jogo, numa altura em que a Bélgica já ganhava por 14-0, com ensaio de Vasco Fragoso Mendes e posterior conversão de Pedro Ávila, que marcaria novamente aos 24 minutos, colocando o resultado em 14-12.

A vantagem para Portugal chegou aos 34 minutos, de novo através de Pedro Ávila, desta vez num pontapé de penalidade, a fixar em 14-15 o resultado que se verificava no final da primeira parte.

Na segunda metade, a Bélgica entrou bem, invertendo o resultado para 21-15, com Portugal a reduzir novamente aos 17 minutos, por Pedro Ávila, para 21-18.

Até ao final da partida, no entanto, a Bélgica conseguiu voltar a ampliar a vantagem, fixando o resultado final em 29-18, com mais um ensaio e respetiva transformação.

Ao falhar a vitória no 'play-off', Portugal permanece assim no terceiro escalão do râguebi europeu (Europe Trophy).

A informação mais vista

+ Em Foco

A 17 de junho, Portugal começou a assistir ao mais mortífero incêndio de sempre. A paisagem de Pedrógão Grande mantém-se em tons de sépia. Um cenário captado pelo fotojornalista Pedro A. Pina.

    Hotéis de luxo e restaurantes de autor crescem ao lado de quem vive sem água ou luz. A Comporta tem um novo proprietário que quer transformar aquela zona num local para estrangeiros ricos.

    O Parque das Nações vai receber as duas semifinais e a final nos dias 8, 10 e 12 de maio do próximo ano. Já o festival português vai decorrer no Pavilhão Multiusos de Guimarães, em março.

    Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.