Djokovic eliminado em Monte Carlo, Nadal com via aberta

| Ténis

|

O tenista sérvio Novak Djokovic, número dois mundial, foi hoje eliminado nos quartos de final do torneio Masters 1000 de Monte Carlo, ao perder com o belga David Goffin (13.º), por 6-2, 3-6 e 7-5.

Vencedor em 2013 e 2015, Djokovic junta-se ao britânico Andy Murray, primeiro do 'ranking' mundial, e ao suíço Stan Wawrinka, terceiro, ambos eliminados na quinta-feira, nos oitavos de final. O sérvio não passa dos quartos de final de um torneio desde a sua vitória em Doha, no início do ano.

O afastamento de Djokovic abre o caminho décima vitória de Rafael Nadal no principado. O espanhol, sétimo jogador mundial, bateu o argentino Diego Schwartzman, por 6-4 e 6-4, e vai enfrentar Goffin nas meias-finais.

A outra meia-final opõe outro espanhol, Albert Ramos, 'carrasco' do croata Marin Cilic, aao francês Lucas Pouille, que eliminou o uruguaio Pablo Cuevas.

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

      Em abril, uma cimeira histórica entre Coreias reaproximou dois países de costas voltadas há mais de 60 anos. O que esperar do futuro?

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.