Taça Davis: João Sousa abre `play-off` entre Portugal e Alemanha

| Ténis

|

João Sousa vai iniciar, frente a Cedrik-Marcel Stebe, o 'assalto' de Portugal ao Grupo Mundial da Taça Davis em ténis, com o 'play-off' com a Alemanha a decorrer entre sexta-feira e domingo, no Estádio Nacional, em Oeiras.

O sorteio, realizado hoje no Palácio do Marquês de Pombal, em Oeiras, ditou que o número um nacional irá defrontar, na sexta-feira, a partir das 11:00, no 'Centralito' do complexo de ténis do Jamor, o segundo jogador mais cotado da equipa visitante.

De seguida, Pedro Sousa, que neste 'play-off' estreia a condição de número dois nacional no 'ranking' mundial, enfrenta o principal tenista alemão, Jan-Lennard Struff, no segundo encontro de singulares da primeira jornada do embate entre Portugal e a Alemanha.

No sábado, a dupla João Sousa e Gastão Elias terá pela frente, no encontro de pares, o duo alemão formado por Yannick Hanfmann e Tim Puetz.

Para o último dia da eliminatória que poderá dar a Portugal o inédito acesso ao Grupo Mundial estão agendados os duelos entre João Sousa e Struff e Pedro Sousa e Cedrik-Marcel Stebe.

A seleção portuguesa, que pode fazer história para o ténis português, é capitaneada por Nuno Marques e composta por João Sousa (57.º), Pedro Sousa (107.º), Gastão Elias (148.º) e João Domingues (184.º).

A formação da Alemanha, que é orientada por Michael Kohlmann e que não contará com os seus três principais tenistas - Alexander Zverev (4.º), Mischa Zverev (27.º) e Philipp Kohlschreiber (34.º) -, é integrada por Jan-Lennard Struff (54.º), Cedrik-Marcel Stebe (90.º), Yannick Hanfmann (136.º) e Tim Puetz (380.º).

O 'play-off' de acesso ao Grupo Mundial da Taça Davis decorre entre sexta-feira e domingo, no 'Centralito', o mais emblemático dos 'courts' de terra batida do complexo de ténis do Jamor.

Esta é a segunda vez que Portugal disputa a ronda de acesso ao principal escalão da maior competição por seleções, depois de uma tentativa falhada em 1994, que terminou com derrota perante a Croácia (4-0), no Lawn Tennis Clube da Foz, no Porto.

Já a Alemanha vai tentar manter-se no Grupo Mundial, no qual está ininterruptamente desde 2005.

A informação mais vista

+ Em Foco

Os portugueses escolhem os seus representantes locais a 1 de outubro. Acompanhe aqui a campanha, os debates e toda a informação sobre as eleições Autárquicas.

    A deriva independentista do nacionalismo catalão está a revelar-se mais grave do que Madrid previa inicialmente. Temos posições que não permitem qualquer margem para diálogo e que conduziram o processo a um impasse.

    Um ensaio do LNEC e do Instituto Superior Técnico, no âmbito do KnowRisk, evidencia a importância da tomada de medidas preventivas. Veja os vídeos e compare os dois casos.

    A Alemanha aproxima-se da data do escrutínio de 24 de Setembro com uma economia próspera: muita exportação, muita construção, receitas fiscais abundantes, orçamentos públicos excedentários. O reverso da medalha é a degradação de condições sociais para uma parte significativa da população.