Nós Lá Fora

| Entrevistas
Nós Lá Fora

Foto: Núria Silva

Núria Silva é jogadora profissional de voleibol, representa o KSC Berlim da Alemanha e está, atualmente, ao serviço da seleção portuguesa.

O voleibol cativou-a ainda na escola. Uma professora resolveu convidar os alunos para formarem uma equipa. Só opta definitivamente pelo voleibol quando vai estudar para Sesimbra. Até à decisão final praticou várias modalidades, em particular, o atletismo.

Filha de Arnaldo Silva, antigo jogador do Vitória de Setúbal, e irmã de Edinho, internacional português e atualmente no clube sadino, futebol e voleibol ficaram paritários lá em casa com a opção de Núria Silva. A mãe também foi jogadora de voleibol.

Joga ainda no Sporting de Espinho. Parte depois para Múrcia, em Espanha, onde fica durante durante duas épocas. O Múrcia passa por alguns problemas, fica sem condições para ajudar Núria Silva nos estudos e a solução foi aceitar um convite da Universidade de Hofstra nos Estados Unidos.

Soma licenciaturas e pós-graduações em comunicação, jornalismo, relações públicas, marketing e filosofia. Regressa a Espanha, pela primeira vez é profissional de voleibol, começa em Setembro no CV Haro la Rioja, vários problemas levam-na três meses depois para as austríacas do SVS Post Schewechat, onde se sagra campeã.

Vai jogar na próxima época pelo KSC Berlim da Alemanha. Para já está em estágio com a seleção portuguesa.

No próximo fim de semana Portugal discute a qualificação para o europeu de seniores femininos na Póvoa de Varzim. Dia 16, sexta-feira, Portugal joga com Israel às 19 horas, sábado defronta a Eslováquia às 18 horas e no domingo, também às 18 horas, a adversária é a equipa da Croácia.

Para acompanhar a carreira de Núria Silva poderá fazê-lo em https://www.facebook.com/NuriaLopesdaSilva/?fref=ts ou no sítio na internet da Federação Portuguesa de Voleibol (http://www.fpvoleibol.pt).

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Um dos mais conceituados politólogos sul-coreanos revelou à RTP o modo de pensar e agir de Pyongyang.

    Portugal foi oficialmente um país neutro na 2ª guerra Mundial. Mas isso não impediu que quase mil portugueses tivessem sido deportados, feitos prisioneiros ou escravos pelos nazis.

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.