José Couceiro quer vencer Moreirense para deixar zona de descida

| 1.ª Liga

Legenda da Imagem
|

O treinador do Vitória de Setúbal admite que o facto de a sua equipa apenas depender de si para sair da zona de despromoção dá uma motivação extra para o jogo com o Moreirense, da I Liga de futebol.

"Este jogo é importante porque o Moreirense é um adversário direto, mas não é nada decisivo. É verdade que só dependemos de nós para sair da zona de descida. É um incentivo para nós, como para o Moreirense, que também só depende de si para o conseguir", lembrou em conferência de imprensa José Couceiro.

O técnico do conjunto setubalense revelou que a sua equipa está a e encarar o embate com o Moreirense, na segunda-feira (19h00), da mesma forma que fez com o Tondela (1-1).

"Jogar em Moreira de Cónegos não é fácil. O maior obstáculo é a equipa adversária, esperamos um jogo difícil e equilibrado frente a uma equipa que tem os mesmos objetivos que nós. Como em Tondela, na jornada anterior, este é um jogo de seis pontos", referiu.

José Couceiro sublinhou a necessidade se atuar de forma consistente, de forma a obter um resultado positivo.

"Trata-se de um adversário diferente, mas, em termos de abordagem ao jogo, nada muda. Quem for mais intenso e, noutras fases do jogo, mais estável tem mais probabilidade de vencer o jogo", afirmou.

Já sem o defesa César e o avançado Vasco Costa, jogadores que rescindiram na sexta-feira contrato com o clube, o treinador continua sem contar com os lesionados José Semedo, Nenê Bonilha e Yannick Djaló.

Na segunda-feira, o Moreirense, 16.º classificado da I Liga de futebol, com 14 pontos, recebe o Vitória de Setúbal, 17.º, com 12, no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, pelas 19h00 horas, em jogo da 18.ª jornada da I Liga de futebol.

Tópicos:

Couceiro, Moreirense, Setúbal, Treinador, Vitória,

Pesquise por: Couceiro, Moreirense, Setúbal, Treinador, Vitória,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.