SAD do FC Porto com resultado negativo de 35,3 milhões

| Futebol Nacional

O FC Porto continua a apresentar prejuízos mas atenuou-os
|

A SAD do FC Porto apresentou um resultado consolidado negativo de 35,3 milhões de euros no exercício de 2016/17, anunciaram os "dragões" em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na comunicação, a SAD azul e branca destaca que, apesar de negativo, o resultado é inferior em cerca de 40% em relação ao exercício anterior (2015/16), no qual os portistas apresentaram um resultado negativo de 58,4 milhões de euros, e salienta ainda o facto de o mesmo superar o acordo traçado com a UEFA, ao abrigo do "fair-play" financeiro.

É referido ainda que o ativo cresceu 3,3 milhões face a 30 de junho de 2016, situando-se nos 378 milhões, enquanto o passivo atingiu os 387 milhões, o que representa um aumento de 38,379 milhões em relação ao período homólogo passado, tendo os "dragões" indicado ainda que foi liquidada a última prestação do "project finance" para a construção do Estádio do Dragão, pelo que este se encontra totalmente pago.

A informação mais vista

+ Em Foco

A causa do incêndio do Pedrogão Grande terá sido uma linha elétrica de média tensão. Esta é uma das principais conclusões do relatório que o professor Xavier Viegas entregou ao Governo.

Impostos, orçamentos, metas para o próximo ano. A RTP descodifica a proposta de Orçamento do Estado apresentada pelo ministro das Finanças esta sexta-feira.

    Mário Centeno também deixou no ar a ideia de que, na discussão da especialidade do OE2018, seja posto um ponto final nos cortes do subsídio de desemprego.

    Os governos espanhol e catalão além de estarem de costas voltadas entrincheiraram-se em narrativas de auto-justificação absolutamente incompatíveis entre si.