Ott Tänak vence superespecial de Lousada

| Rali de Portugal

|

O estónio Ott Tänak (Toyota Yaris) venceu hoje a superespecial de Lousada, que marcou o arranque da 52.ª edição do Rali de Portugal, sexta prova do campeonato do mundo.

Tänak, terceiro do Mundial de pilotos e recente vencedor do Rali da Argentina, concluiu os primeiros 3,36 quilómetros cronometrados do rali em 2.34,3 minutos, menos quatro décimas de segundo do que os Ford Fiesta do finlandês Teemu Suninen e do francês Sébastien Ogier, que lidera o campeonato e procura o sexto triunfo em Portugal.

O britânico Kris Meeke (Citroën C3) e o norueguês Andreas Mikkelsen (Hyundai i20), quarto e quinto classificados, gastaram mais 1,4 segundos do que Tänak, enquanto o belga Thierry Neuville (Hyundai i20), segundo no Mundial e vencedor desta superespecial em 2017, não foi além do sexto lugar, a 1,5 do vencedor.

Na sexta-feira, a 52.ª edição do Rali de Portugal prossegue com oito classificativas, no Alto Minho, onde os pilotos vão percorrer duas vezes os troços cronometrados de Viana do Castelo (26,73 km), Caminha (18,11 km) e Ponte de Lima (27,54 km), antes da `Porto Street Stage` (1,95 km), ao início da noite.

Tópicos:

Andreas Mikkelsen Hyundai, Lima, Lousada, Rali, Street Stage, Thierry Neuville Hyundai,

Pesquise por: Andreas Mikkelsen Hyundai, Lima, Lousada, Rali, Street Stage, Thierry Neuville Hyundai,

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

    Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

      A Austrália enfrenta a maior seca de que há memória, afetando agricultores e criação de gado.