Volta a Portugal: António Barbio vence na Senhora da Assunção

| Volta a Portugal

|

O ciclista português Antonio Barbio (Efapel) venceu hoje isolado a sétima etapa da Volta a Portugal, no Santuário de Nossa Senhora da Assunção, em Santo Tirso, onde o espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) conservou a liderança.

Barbio completou os 161,9 quilómetros de percurso iniciado em Lousada em 4:06.01 horas, chegando ao topo do Monte Córdova (2.ª categoria) com 1.07 minutos de vantagem sobre o grupo de favoritos, encabeçado pelos espanhóis Gustavo Veloso (W52-FC Porto) e Vicente García de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé), segundo e terceiro, respetivamente, a que se seguiram o italiano Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira) e Alarcón.
 
Alarcón manteve a camisola amarela, com 24 segundos de avanço sobre Nocentini, enquanto García de Mateos ascendeu a terceiro, a 30 segundos do alicantino, e Gustavo Veloso, vencedor da Volta em 2014 e 2015, subiu ao quarto posto, a 33 segundos do colega de equipa.

Tópicos:

Volta a Portugal, António Barbio,

Pesquise por: Volta a Portugal, António Barbio,

A informação mais vista

+ Em Foco

Impostos, orçamentos, metas para o próximo ano. A RTP descodifica a proposta de Orçamento do Estado apresentada pelo ministro das Finanças esta sexta-feira.

    Mário Centeno também deixou no ar a ideia de que, na discussão da especialidade do OE2018, seja posto um ponto final nos cortes do subsídio de desemprego.

    João Guerreiro, presidente da comissão que elaborou o relatório sobre Pedrógão Grande, enumera responsabilidades "momentâneas" e "estruturais".

    Os governos espanhol e catalão além de estarem de costas voltadas entrincheiraram-se em narrativas de auto-justificação absolutamente incompatíveis entre si.