Foto: Baz Ratner, Reuters

Tensão político-militar na Crimeia deixa Rússia e Ucrânia à beira da guerra

Depois de a câmara alta do Parlamento de Moscovo ter autorizado o reforço do contingente militar russo da Crimeia, as autoridades interinas de Kiev decidiram colocar as Forças Armadas ucranianas em alerta de combate. O novo poder político da Ucrânia avisa mesmo que qualquer intervenção armada da Rússia na península autónoma levará a uma guerra entre os dois países. Perante este quadro, sucedem-se os apelos internacionais para que o Kremlin respeite a soberania do país vizinho.

  • .Corrigir
  • .Leia-me
  • .Imprimir
  • .Enviar
  • .Partilhar
  • .Aumentar
  • .Diminuir

Vídeo e Áudio

  • Notícias
  • Programas
  • Diretos
  •  
  • Todos
  • Vídeos
  • Áudios